Como montar um modelo de negócios Canvas: canais e relacionamento

Como montar um modelo de negócios Canvas: canais e clientes

Como montar um modelo de negócios Canvas: canais e relacionamento

Você já está acompanhando a nossa série sobre como montar um modelo de negócios, não é mesmo? Então, você já conferiu o conteúdo introdutório sobre o modelo Canvas e o primeiro texto da série focado em proposta de valor e clientes. A nossa intenção com essa serie é ajudar o empresário que quer alavancar a sua empresa e também ajudar você que sempre tem a pergunta “como abrir meu negócio próprio?” na cabeça. Para isso, ter um modelo de negócios é fundamental.

O Canvas é um modelo desenvolvido por Alexander Osterwalder, e consiste em uma representação visual dos modelos de negócios atuais, amplamente utilizado pelos gestores estratégicos de uma empresa. O Canvas oferece uma visão holística do negócio e também dá às pessoas uma língua comum por meio da qual elas podem avaliar processos tradicionais e trazer inovação em seus modelos de negócios.

Confira abaixo os dois itens deste nosso texto e aprenda como melhorar o relacionamento com os seus clientes e a como identificar a melhor forma de se comunicar com eles.

Canais de comunicação

O meio é a mensagem. Quando você seleciona seu público-alvo e estabelece o relacionamento que deseja manter com eles, a escolha do canal de comunicação torna-se muito mais fácil. O meio que você seleciona para transmitir sua marca reflete em como seu público compreenderá a mensagem. Por isso, selecione um canal condizente com o restante das estratégias do seu Canvas. Podemos definir os canais basicamente em: comunicação (redes sociais), distribuição (correios) e venda (PDV, lojas virtuais, central de atendimento). Atente-se para algumas perguntas:

  • Por meio de quais canais seus clientes querem ser contatados?
  • Como você conseguirá alcançar seus clientes?
  • Como seus canais são integrados?
  • Qual canal funciona melhor?
  • Quais apresentam melhor custo-benefício?
  • Como estão integrados à rotina de seus clientes?

Relacionamento com clientes

Imagine uma roda de amigos. Existem os que são discretos, os falantes, os descolados, os engraçados e os empáticos. De acordo com o seu perfil, com qual deles você possui maior afinidade? Esse é o pensamento que deve guiar a sua convivência com os clientes. Ao definir seu consumidor ideal – ou público-alvo – adeque a maneira de relacionamento do seu negócio ao perfil desse segmento. Alguns exemplos: interações pessoais, self-service (quando a empresa oferece os meios para que o cliente faça por conta própria), ou automatizadas (serviços mais automatizados que o self-service). O importante é escolher a forma mais adequada para o seu cliente, uma vez que o relacionamento tem influência direta na experiência dele com a sua marca. Pergunte-se:

  • Qual tipo de relacionamento os seus clientes esperam?
  • Qual é o custo de cada um?
  • Como ele se integra ao restante do seu modelo de negócios?

Para um empreendedor, a prioridade é identificar o tipo de relacionamento que se tem com o cliente. Afinal, a empresa deve procurar investir em fidelizar consumidores, pois eles são o que mantém a sua companhia em pleno funcionamento. No próximo conteúdo da nossa série “como montar um plano de negócios”, iremos abordar faturamento, recursos e atividades-chave, fique atendo.

Garanta agora 1 hora de consultoria empresarial online grátis

Quer conhecer mais do nosso trabalho e saber mais sobre gestão de negócios? Entre em contato com a GPlus, acompanhe o nosso blog e a nossa página no Facebook. Acompanhe a GPlus no YouTube para informações preciosas para o seu negócio.

Facebook Comentários

Post Relacionados

Leave a comment

Decole com o seu negócio
 Solicite agora uma hora de CONSULTORIA GRÁTIS

*Suas informações jamais serão compartilhadas.
close-link