Como montar um Canvas: fontes de receita, recursos e atividades-chave

Como montar um Canvas: fontes de receita, recursos e atividades-chave

Como montar um Canvas: fontes de receita, recursos e atividades-chave

Chegamos ao terceiro conteúdo da série sobre como montar um modelo de negócios. Neste texto iremos abordar três pontos essenciais para a sua empresa: fontes de receita, recursos e atividades-chave. Afinal, toda empresa necessita de capital de giro, e para isso é necessário prestar um serviço ou oferecer um produto.

Como já falamos, para que um negócio alcance os degraus do sucesso é preciso conquistar o seu cliente. Para isso, é preciso entregar valor a ele, para que este gere resultados positivos para a sua empresa. Mas para que isso ocorra, é preciso que toda a organização esteja rodando corretamente. Ou seja, você precisa saber como montar um Canvas.

Você se pergunta “como abrir meu negócio”? Então, leia nossos textos anteriores:

Confira abaixo os três itens indispensáveis para a sua empresa alcançar o sucesso!

Fontes de receita

As fontes de receita – ou de renda – são as formas que sua empresa gera dinheiro a partir de cada segmento de cliente. Sua empresa pode gerar renda por meio da venda de produtos ou serviços, da taxa de assinatura, aluguel, venda de espaços para anúncios, etc.

Quando você estiver criando o preço do seu produto, é importante perceber que a cifra final só vai ser alcançada pelo processo de eliminação. Ou seja, os preços por produtos ou serviços vão variar. Questione-se:

  • Quanto seus clientes estão realmente dispostos a pagar?
  • Pelo que eles pagam atualmente?
  • Como pagam?
  • Como prefeririam pagar?
  • O quanto cada fonte de receita contribui para o total da receita?

Assim você, empreendedor, vai conseguir analisar o seu negócio do alto, podendo refletir sobre possíveis mercados que se abrem para a sua empresa.

Recursos

Neste ponto temos os fundamentos da empresa que geram valor para os clientes. Podemos categorizar esses recursos como humanos, financeiros, físicos e intelectuais.

Para o empresário, é importante começar listando seus recursos, pois isso dá uma visão clara de qual produto final sua empresa precisa criar e quais recursos são mais dispensáveis. Assim, fica evidente quais setores precisam de mais investimento e em quais é possível economizar. Visando, sempre, manter um negócio saudável financeiramente.

Por exemplo, se revendedores faz parte do seu modelo de negócios, então, o foco em canais é bem importante. No caso de uma empresa que vendem produtos diretamente aos seus consumidores, é essencial ter uma área de pesquisa bem definida na sua estratégia de negócio, para compreender melhor os usuários e criar produtos cada vez melhores.

Atividades-chave

É chegada a hora de analisarmos as atividades mais importantes para a empresa gerar valor ao cliente. É necessário, então, listar todas as atividades relevantes que a empresa possui; as que são vitais para que o modelo de negócio seja efetivo.

Você irá notar que as atividades-chave da sua empresa vão estar muito próximas das suas fontes de receita. O que gera um novo processo de refinamento: tire ou adicione novas atividades para ver quais os impactos que elas trazem. Com isso, você irá ter a certeza de quais processos são fundamentais para a empresa.

Garanta agora 1 hora de consultoria empresarial online grátis

Quer conhecer mais do nosso trabalho e saber mais sobre gestão de negócios? Entre em contato com a GPlus, acompanhe o nosso blog e a nossa página no Facebook. Acompanhe a GPlus no YouTube para informações preciosas para o seu negócio.

Facebook Comentários

Post Relacionados

Leave a comment

Decole com o seu negócio
 Solicite agora uma hora de CONSULTORIA GRÁTIS

*Suas informações jamais serão compartilhadas.
close-link